Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


Intendente/Moradores e comerciantes

Problemas continuam apesar da mudança de António Costa

por Lusa  

Um ano depois de o presidente da Câmara de Lisboa ter fixado o gabinete no Intendente não se veem prostitutas nem toxicodependentes no largo. Mas para comerciantes e associações da zona, a mudança de António Costa não chega.

Pouco depois das 14:30, no restaurante de Armindo, a Cova Funda, contam-se pelos dedos de uma mão os clientes que ainda almoçam mas há um ano, o espaço era posto de almoço obrigatório dos funcionários da câmara que com António Costa se mudaram para o Intendente. Hoje, culpa da crise, a maior parte "já só traz a comida de casa", diz o dono.

No dia 07 de 2011, o gabinete do presidente mudou de morada, fixando-se no largo, numa estratégia de promoção de uma das zonas mais degradadas da cidade, onde os prédios em ruínas e a prostituição são cartões de visita, e dando um sinal da aposta do Executivo socialista na reabilitação urbana.

As obras de recuperação do largo, que começaram em outubro e acabam em abril e que preveem requalificar o espaço para albergar esplanadas e comércio, também não ajudam o negócio. "Enquanto as obras não acabarem não vejo nada a mudar. Talvez quando acabarem, mas até agora não vejo nada de especial", descreve Armindo à Agência Lusa.

Opinião diferente tem o casal Dosani. Donos de uma mercearia indiana e de um hostel no largo do Intendente, notam que o ambiente está melhor, mas temem que o "problema" volte quando as "obras acabarem". Agora, "com as obras [as prostitutas e os toxicodependentes] não se atrevem a chegar aqui, mas na rua atrás continuam", explica a senhora Dosani.

Além dos negócios que têm no Intendente, o casal vive na Avenida Almirante Reis. Garantem que, à noite, são visíveis (e audíveis) as noites de prostituição que nascem nos cinco ou seis bares da Rua dos Anjos. "António Costa está a fazer tudo bonito, mas enquanto não se acabarem com alguns bares a má fama vai continuar", afirma.


Ler Artigo Completo(Pág.1/3) Página seguinte
Patrocínio
 
3226Visualizações
4Impressões
4Comentários
0Envios
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 
Comentar

Caracteres disponíveis: 750

Receber alerta de resposta Aparecer como Anónimo
Lembrar dados pessoais
  • Comentar

Nota: Os comentários deste site são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. Consulte a Conduta do Utilizador, prevista nos Termos de Uso e Política de Privacidade. O DN reserva-se ao direito de apagar os comentários que não cumpram estas regras. Receber alerta de resposta - será enviado um alerta para o seu e-mail sempre que houver uma resposta ao seu comentário. Aparecer como anónimo - os dados (nome e-mail) são ocultados. Os comentários podem demorar alguns segundos para ficarem disponíveis no site.

Se tem conta, faça Login

Email

Password

Legenda

Utilizador RegistadoUtilizador Registado    Utilizador Não RegistadoUtilizador Não Registado





PUB
Continente UVA D'OURO 2014 DN 300x100

Especiais

Recuar
Avançar
BT Edições Multimédia
Ocasião/Zaask - Destaque 300x100 DN
Epaper



PUBLICIDADE

sondagem

Inquérito DN

Pedidos de desculpa de ministros favorecem a sua imagem?

Sim
Não
Votar  Ver Resultados



DN

Epaper

Epaper