Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


Novo cardeal português no Vaticano

"A mulher deve poder ficar em casa"

por Dn.pt  

(Corrigida às 21h00) "A mulher deve poder ficar em casa, ou, se trabalhar fora, num horário reduzido, de maneira que possa aplicar-se naquilo em que a sua função é essencial, que é a educação dos filhos", defende D. Manuel Monteiro de Castro, novo cardeal da Igreja Católica, considerando a falta de apoio do Estado à família um problema em Portugal.

As declarações de D. Manuel Monteiro de Castro, 73 anos, ao Correio da Manhã acontecem no momento em que se torna cardeal no Vaticano, onde vive desde 1961, ano em que foi para Roma estudar.

Ao JN, o cardeal sublinha que "devíamos dar muito mais valor à família e ao valor da mulher em casa. O trabalho da mulher a tempo completo, creio que não é útil para País. Trabalhar em casa sim, mas que tenham de trabalhar pela manhã até à noite, creio que para um País é negativo. A melhor formadora é a mãe, e se a mãe não tem tempo para respiar como vai ter tempo para formar", completa.


Patrocínio
 
11939Visualizações
20Impressões
141Comentários
7Envios
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 
RELACIONADO
 
TAGS
 


PUB

NOTÍCIAS Mais VISTAS

btn Banco Popular - DN Destaque
Continente UVA D'OURO 2015 DN 300x100
Btn EdMultimedia - Geral



PUBLICIDADE

sondagem

Inquérito DN

Acha que o Papa faz bem em sugerir aos padres que perdoem mulheres que abortaram?

Sim
Não
Votar  Ver Resultados



DN

Epaper

Epaper