Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


D. Duarte Pio Duque de Bragança

"Vou mandar celebrar uma missa para os amigos"

por CÉU NEVES,   

Um dos passageiros que seguia no voo da Air France é Pedro Luís de Orleans e Bragança. É seu familiar directo?

É meu primo, mas não em primeiro grau. O avô dele é primo da minha mãe. Mas dávamo-nos como se fossemos próximos e convivíamos bastante um com o outro. Ainda recentemente estive com ele no Luxemburgo.

É apresentado como o herdeiro do trono brasileiro.

Sim, é quem está indicado para suceder ao pai e ser o chefe da família. Embora o pai dele não seja o filho mais velho, foi indicado pela família na linha de sucessão, e o Pedro Luís é o primogénito. O avô dele é o príncipe D. Pedro Henrique da linha de Bragança, neto da princesa D. Isabel, é bisneto de D. Pedro II e trineto de D. Pedro I, imperador do Brasil (D. Pedro IV em Portugal). O pai é o príncipe António de Orleans

E é filho de mãe belga?

A mãe é a princesa Christine de Ligne, descendente, em quinta geração, de D. João VI de Portugal, bisneta de D. Miguel I de Portugal e sobrinha-bisneta de D. Pedro I do Brasil. Está na linha de sucessão ao trono luxemburguês.

É muito mais novo?

Tem 26 anos [nasceu a 12 de Janeiro de 1983]. É solteiro.

Qual é o perfil que traça dele?

Formou-se em Economia e estava a trabalhar num banco no Luxemburgo há um ano ou dois anos. É uma pessoa muito inteligente. Tenho as melhores referências dele.

O que é que ele foi fazer ao Brasil?

Não estou muito seguro do que ele tinha ido fazer, mas penso que terá ido visitar a família e os amigos.

Onde é que vive a família?

Os pais dividem-se entre o Brasil e a Bélgica. Quando estão no Brasil, residem em Petrópolis, cidade do [estado do] Rio de Janeiro. E, na Bélgica, habitam o Castelo de Beloeil, em Hainaut. Ele tem mais familiares na Bélgica do que no Brasil.

Já falou com os familiares?

Falei com as tias na Bélgica e, naturalmente, ficaram muito consternadas com a notícia.

Pensa deslocar-se ao Brasil?

Depende, não sabemos se morreu. Vou aguardar as notícias, mas evidentemente que irei acompanhar a família se se confirmar o pior. E estou a pensar em mandar celebrar a missa do 7.º dia em Portugal, para os amigos.

Tinha amigos em Portugal?

Ele vinha a Portugal, mas a missa é sobretudo para os amigos da família Orleans e Bragança.

Artigo Parcial

Patrocínio
 
1464Visualizações
2Impressões
0Comentários
0Envios
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 
"Vou mandar celebrar  uma missa para os amigos"
TAGS
 
Comentar

Caracteres disponíveis: 750

Receber alerta de resposta Aparecer como Anónimo
Lembrar dados pessoais
  • Comentar

Nota: Os comentários deste site são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. Consulte a Conduta do Utilizador, prevista nos Termos de Uso e Política de Privacidade. O DN reserva-se ao direito de apagar os comentários que não cumpram estas regras. Receber alerta de resposta - será enviado um alerta para o seu e-mail sempre que houver uma resposta ao seu comentário. Aparecer como anónimo - os dados (nome e-mail) são ocultados. Os comentários podem demorar alguns segundos para ficarem disponíveis no site.

Se tem conta, faça Login

Email

Password

Legenda

Utilizador RegistadoUtilizador Registado    Utilizador Não RegistadoUtilizador Não Registado





PUB

Especiais

Recuar
Avançar
BT Edições Multimédia
Epaper
Ocasião/Zaask - Destaque 300x100 DN



PUBLICIDADE

sondagem

Inquérito DN

Qual o melhor presidente para o Brasil?

Dilma Rousseff
Aécio Neves
Votar  Ver Resultados



DN

Epaper

Epaper