Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


OSCAR MASCARENHAS

DN demonstrou ter mais prudência e sensibilidade do que o ministro Machete

por OSCAR MASCARENHAS  

Três semanas atrás, alertei nesta coluna para a necessidade de os jornalistas se regerem por agenda própria e não submissa ao poder, de tal maneira a desordem dos chamados responsáveis se tem esforçado por ser ordem. Mais se reforça esta prevenção face aos deploráveis acontecimentos dos últimos dias, em que o recurso a chicanas de rábula de cambão e intrujices de vadio foram utilizadas sem rebuço por alguém com altas funções de representação do Estado português.

Siga o leitor os episódios: o ministro dos Negócios Estrangeiros, Rui Machete, que ficará no anedotário e nas pilhérias da pequena história como aquele que superou quilometricamente, em gaffes, o recentemente falecido José Veiga Simão, concedeu uma entrevista à Rádio Renascença em que referiu que alguns portugueses, recém--militantes do Estado Islâmico, entre os quais elementos do sexo feminino, já haviam comunicado às famílias a vontade de regressar.

Jornalistas do DN que ouviram a entrevista tiveram um estremecimento: cheirava a inconfidência da grossa, tresandava a irresponsabilidade, saltava à vista um falazar transgressor de uma montanha de normas de prudência, sensibilidade e segurança nacional.

Consultaram-se os serviços - esses sim, responsáveis - e todos os respondentes quase deixavam cair os telefones na ânsia de segurar a cabeça a latejar.

Com o que apurou, o DN fez aquilo que é um bom princípio do jornalismo: um jornalista raramente diz tudo o que sabe; diz menos do que sabe, a benefício de mais confirmações, provas e garantias de não causar danos escusados e irremediáveis. O senhor ministro que, como diplomata, deveria ser ainda mais contido, mostrou só conhecer a cartilha da comadre de soalheiro: fala do que não deve, efabula sobre o que não sabe, tanto lhe faz, o importante é mostrar que "está por dentro" do segredo dos deuses.


Ler Artigo Completo(Pág.1/4) Página seguinte
Patrocínio
 
239Visualizações
0Impressões
0Comentários
0Envios
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 

A cidade e o nexo*

por Brassalano Graça, licenciado em Jornalismo

O DN está aberto à participação dos leitores. Use o email jornalismodecidadao@dn.pt para publicar online os seus artigos, fotos ou videos. Publique os seus SMS usando o número 96 100 200

Ver mais




PUB

Especiais

Recuar
Avançar
BT Edições Multimédia
Epaper
Ocasião/Zaask - Destaque 300x100 DN



PUBLICIDADE

sondagem

Inquérito DN

Pensa que Jorge Jesus devia entrar na lista para o prémio de Melhor Treinador do Mundo?

Sim
Não
Votar  Ver Resultados



DN

Epaper

Epaper