Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


Parlamento

O estranho caso do PS e a moção de censura

por TOMAZ ALBUQUERQUE  

Leitor critica posição do PS afirmando que o seu líder tem de mudar.

Muito estranhamente, senão surpreendente, foi o PS, maior partido da oposição, a abster-se na moção de censura apresentada pelo PCP ao Governo. Porquê? A António José Seguro falta-lhe uma particularidade, como dizia Francisco Sá Carneiro; "Coragem." Ora o atual líder do PS nunca a teve, tem, ou terá - só tem uma obsessão, é ser primeiro-ministro, mais nada. Quanto à moção, só duas palavras - foi oportuna. E foi, porque o País está verdadeiramente em "coma", e não se espera que saia dela. Os argumentos apresentados por Passos Coelho, à intervenção de Jerónimo de Sousa, talvez a melhor de todas que já teve, não convenceram. Mas no fundo há uma realidade, nesta moção: o PS, o mais rapidamente, tem de mudar de líder, falta-lhe coragem. E uma coisa é certa: mais uma vez o nosso povo tomou conhecimento da grave [...] situação do País - que de certeza absoluta irá ter mais medidas de austeridade - face à queda das receitas fiscais. O tempo o dirá.


Patrocínio
 
542Visualizações
0Impressões
0Comentários
0Envios
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 
NUNO AZINHEIRA

1 Sempre defendi a necessidade de a RTP ter dois canais nacionais complementares. Nos últimos anos, em que a maioria governativa andou feita barata tonta sem perceber o que fazer com o serviço público...

ANSELMO BORGES

É difícil, se não impossível, determinar qual a maior revolução da história da humanidade. Mas estaremos de acordo em conceder que a revolução científica no sentido moderno da palavra,se não foi a maior...

NUNO SARAIVA

A semana foi diferente. Fofinha, vá. Dois ministros, dois, pediram absolvição por transtornos e outras trapalhadas da governação. Paula Teixeira da Cruz, na quarta-feira, após duas semanas de negação,...

FERREIRA FERNANDES

Uma empresa chinesa entrou na Bolsa de Nova Iorque e teve a maior IPO, oferta pública inicial (seja lá isso o que for), de sempre: 17 mil milhões de euros (seja lá isso o que for). Gosto da história quando...

Comentar

Caracteres disponíveis: 750

Receber alerta de resposta Aparecer como Anónimo
Lembrar dados pessoais
  • Comentar

Nota: Os comentários deste site são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. Consulte a Conduta do Utilizador, prevista nos Termos de Uso e Política de Privacidade. O DN reserva-se ao direito de apagar os comentários que não cumpram estas regras. Receber alerta de resposta - será enviado um alerta para o seu e-mail sempre que houver uma resposta ao seu comentário. Aparecer como anónimo - os dados (nome e-mail) são ocultados. Os comentários podem demorar alguns segundos para ficarem disponíveis no site.

Se tem conta, faça Login

Email

Password

Legenda

Utilizador RegistadoUtilizador Registado    Utilizador Não RegistadoUtilizador Não Registado





Demasiado tempo na escola

Fiquei a pensar, muito apreensiva enquanto mãe e professora, nessa notícia de que as "Crianças de Gaia podem estar na escola entre as 7.30 e as 19.30".

Artur Bastos, a4bastos@sapo.pt

Informação nas autoestradas

 

Falta a indicação de preço dos combustíveis nas autoestradas portuguesas.

Acácio Pinto, acaciomadpinto@gmail.com

A venda do Novo Banco

 

Não sei se a decisão de vender o Novo Banco à pressa é a melhor, ou se seria preferível mantê-lo a exercer a sua atividade para se valorizar e só depois alienar ao melhor preço.



Mário Pires Miguel, mpiresmiguel@sapo.pt

O combate ao Estado Islâmico

 

A instabilidade no Médio Oriente, fruto das enormes riquezas de petróleo e gás, está neste momento ao rubro com a criação do chamado Estado Islâmico em territórios da Síria e Iraque.

José Casimiro Nunes Trindade, casimiro.trindade@gmail.com

As reformas da ministra da Finanças

 

Diz a ministra das Finanças, Maria Luís Albuquerque, que este (seu) Governo já fez muitas reformas!



 
César Faustino

Efeitos da crise?!

 

Segundo o noticiado, as vendas de automóveis em Portugal, desde janeiro deste ano, cresceram "só" 38,7% (isto é, pouco mais de 115 mil carros) em relação ao mesmo período de 2013 - tendo-se registado um...

Vítor Colaço Santos, cyntrascrita@hotmail.com

O regresso à escola e o preço dos manuais

 

No começo de cada ano escolar, a compra dos livros representa uma dor de cabeça para a maioria das famílias.


Ver Mais




PUB
Continente UVA D'OURO 2014 DN 300x100

Especiais

Recuar
Avançar
BT Edições Multimédia
Ocasião/Zaask - Destaque 300x100 DN
Epaper



PUBLICIDADE

sondagem

Inquérito DN

Pedidos de desculpa de ministros favorecem a sua imagem?

Sim
Não
Votar  Ver Resultados



DN

Epaper

Epaper