Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


Polémica Leitor reflete sobre o uso feito...

Os famigerados cartões de crédito

por CARLOS DUARTE, LISBOA  

Não percebo a atual polémica acerca dos famigerados cartões de crédito usados pelos ministros de Portugal para pagamento de despesas de trabalho: na empresa privada onde trabalho, há mais de 20 anos que a todos os empregados com funções que o exijam é entregue um cartão de crédito, para pagamento das despesas de serviço no exterior, devendo o empregado depois entregar na contabilidade o recibo no final do mês. Um cartão de crédito é um meio de pagamento, nada mais, e se um empregado pagar despesas pessoais com ele isso é visto pelo contabilista. Com um ministro deve ser o mesmo: não passa pela cabeça de ninguém um ministro de Portugal ir a Bruxelas, por exemplo, e sacar de dinheiro vivo para pagar o hotel ou jantar, seria até um ato insensato . É lamentável que, por motivos meramente de política baixa, se levantem polémicas que só servem para afastar o Povo dos verdadeiros problemas e da política. E é pena que sejam os juízes, que deveriam ter juízo, a levantá-la. (..)


Patrocínio
 
1104Visualizações
49Impressões
2Comentários
0Envios
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 
JOÃO CÉSAR DAS NEVES

Portugal é um país socialista. Os portugueses preferem a segurança à liberdade, igualdade em vez de iniciativa, renda antes de eficácia. Todos os nossos partidos, da extrema-direita à extrema-esquerda...

YANIS VAROUFAKIS

Tal como Macbeth, os decisores políticos tendem a cometer novos pecados para encobrir os seus erros passados. E os sistemas políticos provam o seu valor com a rapidez com que acabam com os erros políticos...

JOEL NETO

Às vezes tenho pena do Carlos. Também tenho pena da mãe do Carlos, das irmãs, até do cunhado. Mas tenho mais vezes pena do Carlos. O Carlos foi agarrado à heroína - nunca lhe será dada razão numa disputa...

ADRIANO MOREIRA

Não passaram muitos meses sobre a oferta da obra completa de padre António Vieira, recentemente editada, ao Papa Francisco, sendo de sublinhar o facto nesta tão conturbada época. Em primeiro lugar, a oferta...

FERREIRA FERNANDES

David Cameron vem a Lisboa. Visita tipo "mon ami", expressão crismada por Mário Soares, nos anos 1980, sublinhando a amizade com Mitterrand. "My friend, Cameron", pois, dirá alguém, na sexta. Mas, para...



Promessas não pagam dívidas

Portugal é desde 2011 governado por PSD.CDS-PP com o compromisso de cumprir as medidas de ajustamento da troika em consequência do descalabro causado pela governação do Eng.º Sócrates. E não devia haver...

Francisco Pina, fjcpina@gmail.com

Já ganhou ...

 

Se alguém tem ainda dúvidas sobre as possibilidades do Prof. Sampaio da Nóvoa ser Presidente, a entrevista que ele deu ao Diário de Notícias mostrou de forma clara e inequívoca que tem capacidade, inteligência...

Dário Ruivo, darioruivo@gmail.com

Alemanha fora do euro

 

E se em vez de retirarmos temporariamente a Grécia do euro o fizéssemos definitivamente com a Alemanha?



Jorge Morais, katuas.morais@gmail.com

Maravilhas dos Açores

 

Há meia dúzia de anos tive a oportunidade de numas curtas férias, em quatro ilhas no arquipélago dos Açores, ter ficado com a feliz sensação de ter aterrado no paraíso, tal era a beleza natural e a paz...

ARTUR CANHA DA PIEDADE

Como "vende" a prisão de José Sócrates

 

Uns gostam dele. Outros detestam-no. Alguns outros, puramente, odeiam-no. Falamos de José Sócrates. Declaração de interesses: pertenço ao primeiro grupo. Nesta qualidade, procuro estar informado através...



 
AMÉRICO LOURENÇO

Em nome dos interesses próprios

 

A imagem de uma economia saudável deve ser a bandeira de um país em que o aumento do consumo de bens e serviços pode potenciar a redução dos números do desemprego, sendo um estímulo para o investimento...

António J. M. Nunes da Silva, ajmnsilva@gmail.com

Contributos vários

 

Não restam dúvidas de que "quem lê jornais sabe mais". E sendo o leitor comum a enriquecê-los com as suas próprias opiniões, com contributos não formatados, então, parece-me ouro sobre azul. Portanto,...


Ver Mais




PUB

NOTÍCIAS Mais VISTAS

btn Banco Popular - DN Destaque
Continente UVA D'OURO 2015 DN 300x100
Btn EdMultimedia - Geral



PUBLICIDADE

sondagem

Inquérito DN

Acha que o Papa faz bem em sugerir aos padres que perdoem mulheres que abortaram?

Sim
Não
Votar  Ver Resultados



DN

Epaper

Epaper