Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


Dinamarca...França, Grécia...Alemanha!

por António dos Santos Queirós, Professor e Investigador  

Quando se realizaram as eleições gerais na Dinamarca em 2011, a 15 de setembro, para eleger 179 deputados ao Folketinget - o Parlamento da Dinamarca, os povos europeus, esmagados pela austeridade, nem se aperceberam da vitória do Bloco Vermelho (Centro-Esquerda) com 89 lugares conquistados, face ao Bloco Azul (Centro-Direita) com 86 lugares.

O Bloco Vermelho - Rød blok - de centro-esquerda, é composto pelo Partido Social-Democrata, pelo Partido Popular Socialista, pela Esquerda Radical e pela Aliança Verde-Vermelha.

Mas a notícia recente de que alguns bancos dinamarqueses tinham rescindido os seus contratos com as agências de rating americanas, constitui o sinal de que este poder obscuro do capital financeiro mundial se tornou intolerável, mesmo para os seus pares nacionais.

O novo programa do PS francês

A política do partido Socialista Francês, do Partido Trabalhista da Grã-Bretanha, do PS em Portugal, do PSOE em Espanha, liberalizou o mercado, contribuiu para que o sistema financeiro passasse a controlar a economia e se instalasse nos paraísos fiscais, reduziu o estado social, apoiou intervenções militares em países soberanos, em nome de uma terceira via que serviu apenas para degradar a imagem do socialismo e virou contra ele grandes massas eleitorais.


Ler Artigo Completo(Pág.1/7) Página seguinte
Patrocínio
 
13255Visualizações
175Impressões
18Comentários
8Envios
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 
ALBERTO GONÇALVES

Na sexta-feira, os deputados do Bloco de Esquerda levantaram cartazes em que se lia "Solidariedade com a Grécia". Como se o gesto não fosse suficientemente engraçado, submeteram em simultâneo à Assembleia...

PAULO BALDAIA

Se tivesse de explicar, a um extraterrestre acabado de chegar à Terra, o que se está a passar, diria que toda a gente quer a Grécia fora do euro, mas ninguém assume a verdade. Se não é isto, é isto que...

PEDRO MARQUES LOPES

1 Qualquer que seja o resultado do referendo, ninguém sabe o que acontecerá, na Grécia e na Europa, no futuro próximo. De toda a forma, é evidente que as consequências imediatas do referendo na Grécia...

VIRIATO SOROMENHO-MARQUES

Na literatura ou no cinema é conhecido um efeito de terror eficaz: a transformação do que é familiar em estranho, do que é amigável em hostil. Na vida política europeia está a suceder o mesmo. A Reuters...







PUB

NOTÍCIAS Mais VISTAS
Conferencias Na Caixa 15 - DN destaque

Continente UVA D'OURO 2015 DN 300x100
PEPE Jornadas Empreendedorismo Turismo - DN Destaque
Btn EdMultimedia - Geral



PUBLICIDADE

sondagem

Inquérito DN

Quem vai ganhar o referendo na Grécia?

Não - Oxi
Sim - Nai
Votar  Ver Resultados



DN

Epaper

Epaper