Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


Eleições regionais

As eleições da Madeira

por Francisco Leite Monteiro  

Conhecidas as razões que levaram à dramática situação das contas públicas da Madeira e dos desmandos financeiros, como se percebe, atribuível aos últimos governos da região e, sabido que da próxima eleição depende o próximo governo regional, a quem competirá a tomada de medidas com vista a uma normalização, ir a votos sem serem conhecidos e ponderados os termos em que a mesma se processará, alem de dramático, é uma absurdeza inqualificável.

Como se sabe a generalidade dos Madeirenses continua a viver numa tal ignorância, perfeitamente desfasada e incrédula da realidade da situação, pelo que um desfecho que pode antecipar-se - a ir em frente a realização das eleições regionais, no próximo dia 9, sem ser conhecida toda a verdade e os seus contornos e consequências para os Madeirenses - é de, à frente dos destinos da Região, continuar o Dr. Alberto João Jardim. Significa isso que ao responsável pela situação a que a Madeira chegou - por incrível que é - será atribuída a incumbência de fazer a Madeira sair do tal "buraco" que ultrapassa já os seis mil e trezentos milhões de euros, conforme anunciou o ministro das Finanças na sexta-feira, apoiando-se no relatório oficial, que Jardim em alto e bom som, continua a afirmar que "está errado"...!

Nestas circunstâncias parece inevitável a suspensão e adiamento das eleições, uma decisão que dependerá, obviamente, do Presidente da República e até certo ponto do Tribunal Constitucional e que urge seja tomada.


Patrocínio
 
9089Visualizações
6Impressões
1 Comentário
1Envio
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 
JOSÉ MANUEL PUREZA

Menos de 10% da despesa mundial em investigação em saúde é dedicada aos mais graves problemas de saúde que afetam mais de 90% da população do mundo. As doenças negligenciadas - sejam as chamadas doenças...

JOEL NETO

Quanto a 5 para a Meia-Noite, agora cancelado (temporariamente, diz-se), nunca fui aquilo a que se chama um fã. Acontece-me vê-lo, porém - e, ao fim de oito temporadas e meia, creio ter uma ideia das suas...

FERNANDA CÂNCIO

Lembra-se da lei das rendas, bandeira do "reformismo estrutural" deste Governo? De como ia mudar tudo, "dinamizar o mercado", "introduzir justiça", "descomplicar"? Nunca mais ouviu falar dela, pois não...

FERREIRA FERNANDES

A Praça do Império tem brasões florais das ex-colónias no jardim. O vereador Sá Fernandes quer que sejam eliminados porque brasões de ex-colónias "estão ultrapassados". É um critério e está bem defendidoex...

Comentar

Caracteres disponíveis: 750

Receber alerta de resposta Aparecer como Anónimo
Lembrar dados pessoais
  • Comentar

Nota: Os comentários deste site são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. Consulte a Conduta do Utilizador, prevista nos Termos de Uso e Política de Privacidade. O DN reserva-se ao direito de apagar os comentários que não cumpram estas regras. Receber alerta de resposta - será enviado um alerta para o seu e-mail sempre que houver uma resposta ao seu comentário. Aparecer como anónimo - os dados (nome e-mail) são ocultados. Os comentários podem demorar alguns segundos para ficarem disponíveis no site.

Se tem conta, faça Login

Email

Password

Legenda

Utilizador RegistadoUtilizador Registado    Utilizador Não RegistadoUtilizador Não Registado








PUB
Continente UVA D'OURO 2014 DN 300x100

Especiais

Recuar
Avançar
BT Edições Multimédia
Ocasião/Zaask - Destaque 300x100 DN
Epaper



PUBLICIDADE

sondagem

Inquérito DN

O aumento das multas fiscais por infração simples podem ir até 15 mil euros. Concorda com a decisão do governo?

SIM
NÃO
Votar  Ver Resultados



DN

Epaper

Epaper