Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


NUNO AZINHEIRA

Tempos Universais

por NUNO AZINHEIRA  

1. Na cobertura que a RTP tem vindo a fazer dos Jogos Olímpicos de Londres há um nome incontornável e que, por absoluta injustiça, raramente é citado nos jornais e revistas da especialidade. Falo de Luís Lopes, uma verdadeira enciclopédia viva do atletismo e que, nestas Olimpíadas, tem voltado a confirmar toda a sua competência. Todas as noites, desde que as disciplinas de atletismo entraram em cena nos Jogos, ouvir Luís Lopes na RTP2 é uma experiência. Podemos não perceber nada do lançamento do disco, Luís Lopes percebe. Podemos não saber quem são os favoritos no salto à vara, Luís Lopes sabe. Podemos não conhecer os últimos resultados da carreira de um dado atleta da maratona, Luís Lopes conhece. E a cobertura da RTP nestas Olimpíadas não se mede apenas pela dinâmica de antena, pelos pivôs em estúdio e pelas reportagens em Londres. Quem gosta de desporto, quem segue os Jogos e as suas diversas provas é um tipo de público que sabe o que quer e exige conhecimento. Ter Luís Lopes é verdadeiro serviço público.

2. O caso do erro do Euromilhões, terça-feira na TVI, foi apenas mais um. Como já tinha sido o erro no oráculo do Jornal da Noite, da SIC, que deixou cair o "c" ao nome de Carvalho da Silva, ou, ainda antes, o caso do IVA no golfe que apareceu ilustrado num jornal da RTP com a imagem de um automóvel da marca Golfe. As críticas despertam muito mais atenção do que os elogios. Ninguém escreve a dizer bem, ninguém telefona a elogiar. Mas na hora de arrasar, estamos sempre prontos. E as redes sociais vieram agudizar ainda mais este sentimento muito próprio. Não é português, é universal.


Patrocínio
 
2013Visualizações
1 Impressão
21Comentários
1Envio
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 
PAULO BALDAIA

A Justiça, percorrendo o caminho que tem de percorrer, provocou um verdadeiro terramoto político que terá consequências ainda difíceis de prever. Saímos do Verão e entramos no Outono sem que nenhum poder...

ALBERTO GONÇALVES

Não se comenta processos judiciais em curso. Não se deve incorrer em juízos precipitados. É preciso aguardar que a Justiça siga o seu rumo. Há que levar a sério a separação de poderes. Esta situação é...

PEDRO MARQUES LOPES

1 Esta crónica já estava escrita, chamava-se "Telegramas do manicómio". Era acerca da única e exclusiva responsabilidade de Carlos Costa na solução encontrada para o BES e do facto dum governo ter prescindido...


A pobreza na União Europeia

por João Nobre, joaonobre_1988@hotmail.com

O DN está aberto à participação dos leitores. Use o email jornalismodecidadao@dn.pt para publicar online os seus artigos, fotos ou videos. Publique os seus SMS usando o número 96 100 200

Ver mais
Comentar

Se tem conta, faça Login

Email

Password



NUNO AZINHEIRA

Big Brother socialista

por NUNO AZINHEIRA

 

Nos últimos três meses, a televisão assistiu em direto ao interior de um partido. Um verdadeiro reality show, centrado em dois protagonistas, António José Seguro e António Costa, onde não faltaram os grupos...


Ver Mais




PUB

Especiais

Recuar
Avançar
Coleção DN 150 anos - DN Destaque
BT Edições Multimédia
Epaper
Ocasião/Zaask - Destaque 300x100 DN (Pintura) (22-24Nov)



PUBLICIDADE

sondagem

Inquérito DN

Como classifica a atuação da justiça portuguesa nos últimos meses?

Muito boa
Boa
Média

Muito má
Votar  Ver Resultados



DN

Epaper

Epaper