Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


BERNARDO PIRES DE LIMA
análise

Eleições sem Sarkozy

por BERNARDO PIRES DE LIMA  

Começa amanhã a terceira volta das presidenciais francesas. Nestas duas rondas estão em causa particularidades importantes. Saber se a aliança liderada pelo PS (com Verdes e Partido Radical de Esquerda) consegue maioria absoluta ou se terá de fazer acordos com a Frente de Mélenchon. Ou saber se a ligeira vantagem que a UMP tem nalgumas sondagens garante-lhe condições para formar maioria parlamentar que apoie um governo de centro- -direita, em coabitação com Hollande. Ato contínuo, que bloqueios políticos gerará um quadro destes numa altura de pré-resgate em Espanha e de imprevisibilidade do seu efeito na economia francesa.

Para além disto, perceber quanto valem os socialistas agora que a figura de Sarkozy saiu de cena. Ou verificar se as sondagens que dão 15% à Frente Nacional resultam ou não numa residual representação parlamentar que pode não ultrapassar os quatro mandatos. Por fim, e num desfecho como este, observar o que fará Marine Le Pen com a diferença entre votos e assentos num eventual diálogo que se estabeleça com a UMP. Vale a pena lembrar que uma sondagem de abril no Les Echos dava conta da intenção de 65% dos eleitores da UMP em fazer um acordo com Le Pen. Tudo isto para travar as políticas de Hollande e evitar o monopólio da esquerda nos próximos cinco anos. Anos cruciais para a França e para a Europa.

Há doze meses consecutivos que o desemprego sobe em França. Entre jovens, na esteira de outros exemplos na Europa e tendo em conta que 30% votaram em Le Pen nas presidenciais, nunca é tarde para elevar este problema ao topo da agenda europeia. A grande questão é saber a receita para o combater: se o Estado volta a ser o patrão temporário desta geração ou se os governos criam as condições para as empresas se sentirem motivadas a contratar mão de obra qualificada. Um remedeia a doença. O outro ajuda a curá-la.


Patrocínio
 
3828Visualizações
26Impressões
0Comentários
8Envios
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 

O DN está aberto à participação dos leitores. Use o email jornalismodecidadao@dn.pt para publicar online os seus artigos, fotos ou videos. Publique os seus SMS usando o número 96 100 200

Ver mais
Comentar

Caracteres disponíveis: 750

Receber alerta de resposta Aparecer como Anónimo
Lembrar dados pessoais
  • Comentar

Nota: Os comentários deste site são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. Consulte a Conduta do Utilizador, prevista nos Termos de Uso e Política de Privacidade. O DN reserva-se ao direito de apagar os comentários que não cumpram estas regras. Receber alerta de resposta - será enviado um alerta para o seu e-mail sempre que houver uma resposta ao seu comentário. Aparecer como anónimo - os dados (nome e-mail) são ocultados. Os comentários podem demorar alguns segundos para ficarem disponíveis no site.

Se tem conta, faça Login

Email

Password

Legenda

Utilizador RegistadoUtilizador Registado    Utilizador Não RegistadoUtilizador Não Registado




BERNARDO PIRES DE LIMA

Eu 'show' Putin

por BERNARDO PIRES DE LIMA

 

EUA, Rússia, UE e Ucrânia reuniram-se em Genebra durante sete horas, alcançando um compromisso interessante e surpreendente. Para assunto tão complexo, sete horas não passam de um sprint comparado com...


Ver Mais




PUB
Continente UVA D'OURO 2014 DN 300x100

Especiais

Recuar
Avançar
Amazing Romance in Thailand - DN Destaque (Participação)
25 Abril Concurso de Fotografia
Epaper

PUBLICIDADE

sondagem

Inquérito DN

Quem é o principal responsável pela qualificação direta do Sporting para a Liga dos Campeões?

O presidente Bruno de Carvalho
O treinador Leonardo Jardim
Os jogadores
O demérito do FC Porto
Votar  Ver Resultados



DN

Epaper

Epaper