Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


sociedade

Estudantes universitárias fazem dinheiro rápido em vida dupla

por

PAULO SILVA REIS, Chaves  

Três jovens, sob nomes falsos, relatam vida como prostitutas

Em Vila Real e Bragança uma nova forma de prostituição está a surgir. Cada vez mais estudantes universitárias, aliciadas pelo dinheiro fácil, se dedicam à mais velha profissão do mundo. O DN falou com três jovens estudantes, oriundas do Sul do País, que, sob nomes falsos, contaram como levam uma vida dupla.

As três admitem que a opção foi feita para terem uma vida desafogada, sem contar os tostões, podendo num só dia pagar a renda do apartamento. "A vantagem deste tipo de trabalho é não andar sempre a contar os euros", diz Vânia, estudante de 19 anos, a frequentar o segundo ano de um curso no Instituto Politécnico de Bragança. "Não é em todos os empregos que se consegue 200 ou 300 euros por dia. Com o que trazemos de casa, mal conseguimos sobreviver e assim vivemos melhor, sem termos de nos preocupar se o dinheiro vai chegar até ao fim do mês."

Foi Cindy, de 21 anos, a frequentar o terceiro ano do mesmo curso, que abriu as portas deste mundo a Vânia. Ambas partilham o apartamento e a carteira de clientes. Contactos que, afirmam, são feitos boca a boca, recusando recorrer aos anúncios em jornais para evitar riscos e encontros indesejados. Apesar da vida dupla, Cindy mantém o aproveitamento na universidade sem nunca ter deixado uma cadeira para trás.

Também em Vila Real, o fenómeno está a crescer. Vera, de 24 anos, a estudar na Universidade de Trás-os--Montes e Alto Douro (UTAD), "para manter o nível de vida" dedica-se à prostituição. Mas admite que na cidade do Marão "o negócio é mais difícil e é muito complicado passar despercebida". Por norma, explica, "não aceito encontros ao primeiro contacto". Vera vive no sobressalto de se cruzar, nesta vida dupla, com alguém da UTAD, o que traria "um enorme constrangimento", admite.


Ler Artigo Completo(Pág.1/2) Página seguinte
Patrocínio
 
0Visualizações
0Impressões
0Comentários
0Envios
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 


PUB
Continente UVA D'OURO 2014 DN 300x100

Especiais

Recuar
Avançar
BT Edições Multimédia
Ocasião/Zaask - Destaque 300x100 DN
Epaper



PUBLICIDADE

sondagem

Inquérito DN

Praxes abusivas devem ser criminalizadas?

Sim
Não
Votar  Ver Resultados



DN

Epaper

Epaper