Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


dnsport

João Coimbra, o médico da Luz

por

ISAURA ALMEIDA  

Curso foi sugerido por Mantorras e Geovanni

Os médicos do Benfica tratam-no por "Caro Colega", os jogadores chamam--lhe "Doutor" e os amigos tratam-no por João. O sobrenome é Coimbra, natural de Santa Comba Dão, terra de Salazar, e a profissão é jogador de futebol. Apesar da paixão pela bola, o internacional sub-21 resolveu continuar a estudar. Escolheu Medicina por influência de Geovanni e Mantorras, que num estágio, na Suíça, em 2004, viram nele o futuro médico da Luz. Agora já pensa em especializar-se em fisioterapia.

Humilde, às vezes até de mais, dizem os que lidam de perto com ele, vê as séries Dr. House e Anatomia de Gray, uma pelo divertimento, outra pelo realismo, mas é nos treinos que tira dúvidas com Rodolfo Moura. "É interessado e tenta perceber porque acontece uma lesão e como se deve tratar", conta ao DN sport o cinesoterapeuta.

Por ter o estatuto de atleta de alta competição, João Coimbra tem facilidade em marcar os exames para datas em que tenha mais disponibilidade, mas durante o ano lectivo faz questão de assistir a praticamente todas as aulas práticas da tarde (de manhã há treino no Benfica). Quanto às teóricas, há um colega que lhe fornece os apontamentos para que possa estudar,

João Coimbra já passou por um grande susto nos relvados e ainda hoje não se lembra do lance que lhe provocou uma paragem cárdio-respiratória num jogo da selecção de Sub-19. Já pediu o vídeo, mas na federação ninguém lho fornece: "Dizem que é arrepiante, mas eu queria ver, até porque dizem que estava a fazer um grande jogo." Os médicos da federação salvaram-lhe a vida e, agora que estuda o sistema respiratório, fica impressionado por saber o risco que correu.

Sócio do Benfica desde os dois anos de idade, o médio não critica Fernando Santos apesar da escassa utilização na equipa encarnada. "Foi o treinador que apostou em mim", explica. O pai gostava de o ver ter outras oportunidades no "seu" Benfica, mas aprova a ideia de rodar no clube para jogar mais. Agora, Coimbra vai ser emprestado ao Nacional e ainda não sabe se vai ter de parar os estudos por um ano. Mas a vontade de concluir o curso continua intacta.

Artigo Parcial

Patrocínio
 
0Visualizações
0Impressões
0Comentários
0Envios
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 


PUB

Especiais

Recuar
Avançar
BT Edições Multimédia
Epaper
Ocasião/Zaask - Destaque 300x100 DN



PUBLICIDADE

sondagem

Inquérito DN

Governo devia fiscalizar empresas que contratam enfermeiros abaixo da tabela?

Sim
Não
Votar  Ver Resultados



DN

Epaper

Epaper