Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


internacional

Vaticano decreta o fim do limbo para as crianças

por

ABEL COELHO DE MORAIS  

O Papa Bento XVI aprovou ontem as conclusões de uma Comissão Teológica Internacional que põe fim ao conceito de limbo, o lugar onde as crianças mortas não baptizadas permaneciam na eternidade, sem possibilidade de comunhão com Deus.

A decisão papal conclui vários anos de estudo sobre o conceito de limbo, considerado por aquela comissão como baseado numa "concepção excessivamente restrita da salvação", pode ler-se nas suas conclusões.

Em 1984, o então cardeal Ratzinger afirmara pronunciar-se, "a título pessoal", pelo fim da "hipótese" de existência do limbo.

O documento assevera que Deus é misericordioso e deseja "a salvação de todos os seres humanos", existindo "fortes bases teológicas e litúrgicas para esperar que, uma vez mortos, os bebés não baptizados são salvos". Desde a Idade Média, ainda que não sob a forma de dogma, o limbo era apresentado na doutrina como um lugar entre o paraíso e o inferno onde permaneciam as crianças mortas sem baptismo.

As decisões da comissão correspondem, de algum modo, ao consagrado no Catecismo da Igreja Católica em vigor, onde se refere estarem à mercê da misericórdia divina as crianças mortas sem baptismo. A comissão considera que este é um tema a urgir uma resposta urgente, atendendo ao número crescente de não baptizados e à percepção da incompatibilidade entre um Deus misericordioso e a radical exclusão da possibilidade de comunhão com Ele dos mortos sem pecado.


Ler Artigo Completo(Pág.1/2) Página seguinte
Patrocínio
 
0Visualizações
0Impressões
0Comentários
0Envios
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 


PUB

Especiais

Recuar
Avançar
Continente UVA D'OURO 2014 DN 300x100
Epaper

PUBLICIDADE

sondagem

Inquérito DN

Concorda que professores sejam avaliados através de uma prova?

Sim
Não
Votar  Ver Resultados



DN

Epaper

Epaper