Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


Antes falava-se de explosão

Sudão diz que o avião se despenhou contra montanha

por Agência Lusa, publicado por Susana Salvador  

O ministro sudanês de Orientação Islâmica, Gazi al Sadeq, morreu hoje quando o avião em que viajava juntamente com outras pessoas se despenhou contra uma montanha, devido às condições meteorológicas, anunciou hoje a presidência sudanesa.

Num breve comunicado difundido pela televisão estatal, a presidência explicou que Al Sadeq viajava até Taludi, no Estado de Kordofán do Sul, para participar, com os habitantes locais, nas celebrações de Eid al Fitr, que marca o fim do Ramadão.

No avião, seguiam ainda o ministro do Meio Ambiente e Turismo, Aisa Daifala, assim como o governador de um distrito de Jartum, Tarek Ibrahim, e o líder do partido da Justiça, Meki Ali Balayel, disse uma fonte da aviação civil.

As 25 pessoas que viajavam no avião, da companhia aérea de voos domésticos Alfa, morreram e ficaram carbonizadas, o que está a dificultar a identificação dos corpos, disse a mesma fonte.

Anteriormente, o acidente de aviação fora atribuído a uma "explosão", sem que fosse identificada a origem.

As primeiras informações dão conta de que o avião tentou fazer duas aterragens em Taludi, mas sem sucesso, devido às más condições meteorológicas, acabando por embater contra uma montanha, a este da cidade.


Patrocínio
 
1893Visualizações
0Impressões
10Comentários
0Envios
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 
RELACIONADO
 
Comentar

Se tem conta, faça Login

Email

Password




PUB
PEPE Jornadas Empreendedorismo Turismo - DN Destaque

Especiais

Recuar
Avançar
TSF Superbrand - DN destaque
BT Edições Multimédia
Epaper



PUBLICIDADE

sondagem

Inquérito DN

Concorda com a aproximação entre Estados Unidos e Cuba?

Sim
Não
Votar  Ver Resultados



DN

Epaper

Epaper