Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


Massacre

Mineiros sul-africanos sob ameaça de despedimento

por Susana Salvador, com AFP  

Mineiros sul-africanos sob ameaça de despedimento
Fotografia © REUTERS/Siphiwe Sibeko

A empresa mineira Lonmin pediu aos grevistas de Marikana que voltem ao trabalho amanhã, sob ameaça de "possíveis despedimentos", três dias após o massacre de 34 mineiros às mãos da polícia.

"O ultimato final foi adiado para segunda-feira, dia 20, depois dos acontecimentos de quinta-feira", explicou Gillian Findlay, porta-voz da Lonmin num email enviado à AFP. "O ultimato final dá aos funcionários uma última hipótese de regressarem ao trabalho ou serem alvo de um possível despedimento", acrescentou.

Questionados pela AFP, os mineiros recusaram a possibilidade de voltar ao trabalho, por respeito aos 34 colegas mortos pela polícia, sem que a empresa responda às suas reivindicações.

Cerca de dois mil funcionários da mina de platina de Marikana entraram em greve a 10 de agosto, exigindo o triplicar dos seus salários, que é atualmente de quatro mil rands (cerca de 400 euros) por mês.


Patrocínio
 
3315Visualizações
1 Impressão
29Comentários
1Envio
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 
RELACIONADO
 


PUB

NOTÍCIAS Mais VISTAS

Continente UVA D'OURO 2015 DN 300x100
Btn EdMultimedia - Geral



PUBLICIDADE

sondagem

Inquérito DN

Agora que Pedro Santana Lopes se afastou da corrida, quem pensa que seria melhor candidato presidencial da direita?

Marcelo Rebelo de Sousa
Rui Rio
Deveriam ambos candidatar-se
Votar  Ver Resultados



DN

Epaper

Epaper