Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


Damasco

Atentado também matou chefe da segurança síria

por Abel Coelho de Morais  

Imagem do centro de Damasco. Combates estão a intensificar-se entre as forças da oposição e os militares fiéis ao regime na capital síria
Imagem do centro de Damasco. Combates estão a intensificar-se entre as forças da oposição e os militares fiéis ao regime na capital síria Fotografia © Reuters

O responsável máximo da segurança do regime de Bachar al-Assad veio a sucumbir hoje em resultados de ferimentos sofridos no atentado de quarta-feira em Damasco, onde perderam a vida outros três altos dirigentes sírios. Também em Damasco, onde as forças fiéis a Assad desencadearam ontem uma série de contra-ataques sobre áreas em poder da rebelião, as milícias da oposição foram expulsas do bairro de Midane, segundo a AFP que cita o Observatório Sírio dos Direitos do Homem. Na operação

A televisão estatal síria anunciou hoje a morte do general Hicham Ikhtiar, chefe dos serviços de segurança nacional sírios, que participava na reunião de quarta-feira alvo do atentado à bomba que vitimou outros importantes dirigentes do regime de Bachar al-Assad.

O anúncio da morte de Ikhtiar, de 71 anos e considerado uma figura chave no aparato repressivo do regime, sucedeu no momento em que decorriam na capital síria os funerais dos outros dirigentes mortos no ataque de quarta-feira, reivindicado pelo Exército Sírio Livre.

Além de Ikhtiar, perderam a vida o ministro da Defesa, general Daoud Rajha, um cunhado do Presidente Bachar al-Assad, Assef Shawkat, e o general Hassan Turkmani, líder da célula de crise no combate à rebelião.

Um outro bairro da capital síria, Jobar, também voltou a estar sobre controlo das forças fiéis a Assad.

Apesar destes revezes, as forças da oposição continuam a reivindicar que começou a batalha pela "libertação de Damasco" e estão a ocupar diferentes posições noutros pontos do país. Desde quinta-feira que todos os postos fronteiriços com o Iraque e alguns com a Turquia estão sob controlo do Exército Sírio Livre.


Ler Artigo Completo(Pág.1/2) Página seguinte
Patrocínio
 
3280Visualizações
1 Impressão
21Comentários
0Envios
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 
RELACIONADO
 
Comentar

Caracteres disponíveis: 750

Receber alerta de resposta Aparecer como Anónimo
Lembrar dados pessoais
  • Comentar

Nota: Os comentários deste site são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. Consulte a Conduta do Utilizador, prevista nos Termos de Uso e Política de Privacidade. O DN reserva-se ao direito de apagar os comentários que não cumpram estas regras. Receber alerta de resposta - será enviado um alerta para o seu e-mail sempre que houver uma resposta ao seu comentário. Aparecer como anónimo - os dados (nome e-mail) são ocultados. Os comentários podem demorar alguns segundos para ficarem disponíveis no site.

Se tem conta, faça Login

Email

Password

Legenda

Utilizador RegistadoUtilizador Registado    Utilizador Não RegistadoUtilizador Não Registado





PUB
Continente UVA D'OURO 2014 DN 300x100

Especiais

Recuar
Avançar
BT Edições Multimédia
Ocasião/Zaask - Destaque 300x100 DN
Epaper



PUBLICIDADE

sondagem

Inquérito DN

Pedidos de desculpa de ministros favorecem a sua imagem?

Sim
Não
Votar  Ver Resultados



DN

Epaper

Epaper