Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


Angola/RD Congo

Cem imigrantes congolesas violadas em Abril

por Lusa  

Cem mulheres congolesas que estavam ilegais em Angola foram violadas em Abril, no momento da sua expulsão para a República Democrática do Congo, denunciou hoje um responsável da organização católica Caritas, citado pela agência AFP.

Segundo o padre Pedro Mulumba, as violações ocorreram entre 01 e 19 de Abril, por altura da expulsão de Angola de 5.400 congoleses, incluindo mulheres e crianças.

O prelado, que dirige a Caritas/Luebo, na província de Kasai Ocidental, não muito longe da fronteira com Angola, não soube precisar quem foram os autores das violações nem em que circunstâncias se deram.

Pedro Mulumba denunciou ainda que, em dado momento, a Cruz Vermelha tomou a seu cuidado as mulheres violadas, mas que, em geral, as associações humanitárias "não se interessam por elas".

Já em Novembro, de acordo com a ONU, mais de 700 congoleses, incluindo homens e crianças, foram violados durante o seu repatriamento.

Em Outubro de 2009, Angola e República Democrática do Congo expulsaram dos seus territórios dezenas de milhares de pessoas. Muitas foram encontradas sem comida nem abrigo.


Ler Artigo Completo(Pág.1/2) Página seguinte
Patrocínio
 
3518Visualizações
35Impressões
4Comentários
3Envios
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 
TAGS
 
Comentar

Se tem conta, faça Login

Email

Password




PUB
PEPE Jornadas Empreendedorismo Turismo - DN Destaque

Especiais

Recuar
Avançar
TSF Superbrand - DN destaque
BT Edições Multimédia
Epaper



PUBLICIDADE

sondagem

Inquérito DN

Concorda com a prova de avaliação aos professores?

Sim
Não
Votar  Ver Resultados



DN

Epaper

Epaper