Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


APEL

Estudo detecta 500 postos de venda de cópias ilegais

por lusa  

Estudo detecta 500 postos de venda de cópias ilegais
Fotografia © diogo carlos da maia

Um estudo sobre o sector da edição e das livrarias e sobre o impacto económico da pirataria detectou "mais de 500 postos de venda de cópias ilegais de livros", disse à Lusa o coordenador do projecto, Pedro Dionísio.

O estudo, ainda em curso e com dados preliminares, é apresentado hoje à tarde pelo catedrático Pedro Dionísio no I Congresso do Livro, que decorre na Praia da Vitória, Ilha Terceira, Açores.

Pedro Dionísio, do Instituto Superior de Ciências do Trabalho e Empresa (ISCTE), coordena com Maria do Carmo Leal este estudo sobre o sector da edição e das livrarias e sobre o impacto económico da pirataria, encomendado no âmbito das iniciativas desenvolvidas pela Comissão Contra a Cópia Ilegal, criada este ano na Associação Portuguesa de Editores e Livreiros (APEL).

"O estudo está em curso, só terminará no final do ano, e as conclusões definitivas serão apresentadas em janeiro próximo", disse Pedro Dionísio.

Citando dados provisórios, o especialista afirmou que "no ensino superior há uma média de dois livros fotocopiados por cada livro comprado".

Pedro Dionísio sublinhou à Lusa "o efeito pernicioso no mercado" desta prática.


Ler Artigo Completo(Pág.1/2) Página seguinte
Patrocínio
 
2494Visualizações
17Impressões
0Comentários
2Envios
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 
Comentar

Se tem conta, faça Login

Email

Password




PUB
PEPE Jornadas Empreendedorismo Turismo - DN Destaque

Especiais

Recuar
Avançar
TSF Superbrand - DN destaque
BT Edições Multimédia
Epaper



PUBLICIDADE

sondagem

Inquérito DN

Concorda com a prova de avaliação aos professores?

Sim
Não
Votar  Ver Resultados



DN

Epaper

Epaper