'Não nos podemos deixar chantagear por um país por medo' do contágio"

O presidente do Bundesbank deu entrevista conjunta ao Público, El País, Corriere della Sera e Kathimerini. Para Jens Weidmann, os países do Sul não se devem desviar da rota ou arriscam-se a uma saída do euro.

Não há resgate sem austeridade, não há eurobonds sem controlo orçamental e o crescimento tem de vir das reformas estruturais. Escreve o Público que para o presidente do Bundesbank, os países do Sul não devem desviar-se da rota. Ou arriscam-se a uma saída do euro.

Últimas notícias

Mais popular