Estado poderá ter de pagar indemnizações nas ex-scut

Concessionárias das ex-Scut que começaram a ser pagas em dezembro estão há meses a receber abaixo do acordado

O "Jornal de Negócios" escreve que as concessionárias das antigas Scut que passaram a ser pagas a 8 de dezembro do ano passado admitem avançar com pedidos de reequilíbrio financeiro ao Estado. Os contratos, que foram alterados para acomodarem a introdução de portagens, estão há mais de oito meses por assinar, estando as concessionárias a ser remuneradas por um valor inferior ao acordado.

Face à demora na assinatura dos contratos alterados, os quais foram apenas rubricados, as concessionárias estão a considerar a hipótese de avançarem com pedidos de reequilíbrio, como forma de obrigar a uma solução quer para a formalização dos acordos, quer para o pagamento dos montantes em atraso que se continuam a acumular. Isso mesmo já terão dado conta ao Governo.

Últimas notícias

Mais popular