CDS-PP: Governo perdeu interesse depois de saber que Moniz não sai

O porta-voz do CDS-PP, Pedro Mota Soares, considerou hoje que o Governo deixou de ter interesse em que a PT compre a TVI só depois de saber que o director-geral daquele canal “não sai”.

“Pelos vistos, para o Governo, quando o director-geral da TVI não sai, já não há interesse no negócio”, afirmou Pedro Mota Soares, em declarações aos jornalistas no Parlamento.

O deputado frisou que o “CDS foi o primeiro partido a falar do negócio da PT” no debate quinzenal, quarta-feira, e que nessa ocasião, “o primeiro-ministro insinuou que o Governo teria interesse no negócio desde que o director-geral da TVI saísse”.

“O primeiro-ministro recuou sobre esta matéria”, assinalou.

Questionado sobre a posição do CDS face ao negócio, que o Governo já anunciou que vetará, Mota Soares frisou que, para o CDS, “não faria muito sentido” o Estado reforçar a sua posição na comunicação social.

O primeiro-ministro, José Sócrates, afirmou hoje que se oporá à compra pela Portugal Telecom de parte da Media Capital, que detém a TVI, para que não haja suspeita de que esse negócio se destina a alterar a linha editorial daquele canal.

SF.

Lusa

Últimas notícias

Mais popular