"Vamos ser os únicos a ter crescimento negativo"

Paulo Portas voltou a criticar a actuação de José Sócrates enquanto primeiro-ministro.

Num jantar-comício na Alfândega Nova, no Porto, o líder do CDS-PP atacou o primeiro-ministro, afirmando "pode José Sócrates explicar, não direi ao mundo, mas porque é que Portugal será o único país da União Europeia com duas recessões em dois anos e será, para o ano, o único país na União Europeia a ter crescimento negativo?".

Num comício onde foi muito critico com a governação socialista, Paulo Portas rematou o seu discurso atacando mais uma vez José Sócrates numa alusão ao discurso do primeiro-ministro, que tem afirmado que a crise portuguesa faz parte de uma crise à escala global que o país não podia ter evitado. "Então a crise que afecta os outros permite-lhes sair da recessão e a que nos afecta a nós, é culpa do mundo, e somos os únicos a ter duas recessões em dois anos?", disse.

Últimas notícias

Recomendadas

Contéudo Patrocinado

Mais popular