Portas admite Governo de segundo e terceiro nas eleições

Paulo Portas admite que o partido mais votado nas eleições possa ficar de fora do Governo.

"Eu já disse que mais importante que saber quem fica em primeiro é saber quem é que leva ao Presidente da República uma solução maioritária que foi o que ele pediu," afirmou esta manhã em Castelo Branco.

A declaração foi a resposta a José Sócrates e Passos Coelho que, num apelo ao voto útil, defenderam que o líder do partido mais votado tem de ser o primeiro-ministro.

Últimas notícias

Recomendadas

Contéudo Patrocinado

Mais popular