Forças de Kadhafi bombardeiam hospital

Esta tarde, as forças do regime de Muammar Kadhafi bombardearam o hospital de Misrata, a terceira maior cidade da Líbia, notícia a AFP.

A cidade esteve durante o dia sob o ataque das brigadas do líder líbio, com um balanço de pelo menos 16 mortos, enquanto os aviões da coligação internacional iniciaram ataques contra tropas no terreno fiéis ao governo de Tripoli.

De acordo com um porta-voz do Conselho Nacional da Transição (CNTR, oposição), 16 pessoas foram mortas, incluindo cinco crianças, e 23 ficaram feridas na cidade de Misrata, 210 quilómetros a leste de Tripoli, após ataques das forças de Kadhafi.

"Há atiradores furtivos posicionados nos terraços dos edifícios e as forças de segurança [de Kadhafi] bloqueiam as entradas dos hospitais", disse Abdelhafiz Hoga, porta-voz do CNTR.

O porta-voz do conselho também referiu que pelos menos seis pessoas foram hoje mortas e 13 feridas após ataques das forças de Kadhafi em Zitan, oeste da capital líbia, onde ontem já se tinham registado dez mortos e 26 feridos.

Os ataques ocorreram apesar do anúncio pela coligação internacional dos primeiros bombardeamentos aéreos que visaram diretamente as tropas pró-regime em Misrata.

Últimas notícias

Conteúdo Patrocinado

Mais popular