Quatro detidos com armas ilegais

A Guarda Nacional Republicana (GNR) deteve durante o passado fim-de-semana, no distrito de Viseu, quatro indivíduos por posse ilegal de armas. Foram ainda apreendidas duas caçadeiras, duas pistolas, um revólver e mais de cem munições. A GNR assegura que esta situação "não é anormal mas o dia-a-dia da nossa acção no cumprimento da lei".

Em Resende foram apreendidas as duas caçadeiras e detido um homem de 30 anos. Em Carregal do Sal foram detidos dois indivíduos: um jovem de 28 anos que se encontrava na posse de uma arma de 9 mm - calibre cuja posse é proibida - e um outro de 46 anos na posse de um revolver de 38 mm. Em Lamego foi detido um outro indivíduo de 30 anos na posse de uma pistola calibre 6,35 mm e respectivas munições. Já em S. João da Pesqueira a GNR registou o furto de uma pistola calibre 6,35.

Adriano Resende, comandante do destacamento da GNR de Moimenta da Beira adiantou ao DN que "o indivíduo na posse de quem foram apreendidas as caçadeiras já foi ouvido em tribunal e multado em mil euros. O outro detido, em Lamego, aguarda a tramitação do processo em liberdade".

Na semana passada a Guarda deteve ainda um homem de 35 anos por posse ilegal de arma fogo, de calibre ilegal 9 mm. Em Fevereiro a mesma GNR apreendeu sete espingardas, uma caçadeira de calibre 12 mm, duas pistolas de defesa pessoal de calibre 6.35 mm, uma pistola 0.22 milímetros, várias facas e mais de meio milhar de munições. Apreendeu ainda diversos documentos de autorização para uso e porte de arma.

Apreensões que um oficial do comando da GNR no distrito de Viseu assegura que "vão acontecendo no dia-a-dia em resultado de inquéritos, denuncias e buscas". A mesma fonte revela que "haverá algumas usadas com o único intuito de defesa, sobretudo pessoas que moram isoladas, ou da caça mas a grande maioria delas é seguramente usada no crime".

Últimas notícias

Mais popular