Godinho Lopes recusa revelar factos sobre denúncia

Presidente do Sporting foi questionado, hoje, sobre a denúncia que recebeu em Alvalade sobre um depósito de dois mil euros na conta do árbitro José Cardinal

"Se está em averiguação é porque está em segredo de justiça e não podemos dizer coisas adicionais ao que já dissemos". Foi desta forma que Godinho Lopes, presidente do Sporting, reagiu hoje à notícia avançada pelo Diário de Notícias sobre a investigação da Polícia Judiciária a um depósito de dois mil euros em notas feito na conta do árbitro auxiliar José Cardinal, a poucos dias do jogo Sporting-Marítimo dos quartos de final da Taça de Portugal 2011/2012.

Tal como o DN avança hoje na edição em papel, o Sporting, ao tomar conhecimento desta situação, comunicou ao presidente da Federação Portuguesa de futebol, Fernando Gomes o sucedido, que, por sua vez, denunciou o caso à Polícia Judiciária e à Procuradoria geral da República.

Leia mais pormenores na edição impressa

Últimas notícias

Recomendadas

Contéudo Patrocinado

Mais popular