Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


Custódio

"Tentei ajudar o árbitro, mas ele não cedeu"

por João Ruela  

"Tentei ajudar o árbitro, mas ele não cedeu"
Fotografia © Global Imagens

Custódio diz que tentou explicar ao árbitro que foi ele quem cometeu o penálti que deu o empate ao Benfica, mas Soares Dias mostrou o cartão amarelo - e consequente vermelho - a Douglão.

Estádio da Luz, minuto 71. Mão na bola em plena grande área do Sporting de Braga, que motivou, de imediato, a equipa de arbitragem chefiada por Artur Soares Dias a assinalar grande penalidade a favor do Benfica. O árbitro pegou no cartão amarelo - as regras ditam que o cartão vermelho só deverá ser mostrado caso o corte seja feito quando a bola vai em direção à baliza e a equipa de arbitragem entendeu que não era o caso -, mas equivocou-se na admoestação.

Custódio (não tinha qualquer cartão) cometeu a falta e deveria ter sido ele a ver o cartão amarelo, mas acabou por ser Douglão a ver a cartolina... e a receber ordem de expulsão, uma vez que já tinha um cartão. "Tentei ajudar o árbitro, mas ele não cedeu. Paciência, mas é pena que tenhamos jogado com dez jogadores, porque nos retirou capacidade para irmos à procura da vitória", lamentou Custódio, após o empate entre Benfica e Sporting de Braga, este sábado, em jogo da primeira jornada da Liga.

O próprio Douglão tentou explicar ao árbitro que não tinha sido ele a cometer a falta, mas o juíz não voltou atrás na decisão. "O estado de espírito do Douglão é de tristeza porque foi penalizado por uma coisa que não fez. Vamos dar toda a força ao Douglão porque é um grande jogador e muito importante para nós", destacou Custódio, que, ainda assim, lembra-se "do primeiro golo do Benfica e de uma mão na área, do Cardozo, que não foi assinalada."


Patrocínio
 
3502Visualizações
0Impressões
3Comentários
0Envios
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 
RELACIONADO
 
Comentar

Se tem conta, faça Login

Email

Password



Ver todos os Vídeos

1.º - JACKSON MARTÍNEZ (FC Porto)

15 golos

2.º - FREDY MONTERO (Sporting)

13 golos

3.º - DERLEY (Marítimo)

12 golos

4.º - LIMA (Benfica)

11 golos

5.º - RAFAEL MARTINS (V. Setúbal)

10 golos

6.º - BEBÉ (Paços de Ferreira), HELDON (Marítimo), RODRIGO (Benfica), EVANDRO (Estoril)

9 golos

mais

PUB
PEPE Jornadas Empreendedorismo Turismo - DN Destaque

Especiais

Recuar
Avançar
TSF Superbrand - DN destaque
BT Edições Multimédia
Epaper



PUBLICIDADE




DN

Epaper

Epaper