Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


Alemanha-Itália (1-2)

Balotelli "arruma" alemães contra a vontade de Platini

por João Ruela  

"Super Mario" fez dois golos, afastou a Alemanha da final e contrariou o desejo de Platini em ver alemães contra espanhóis em Kiev.

Ele já incendiou a própria casa-de-banho com fogo de artifício; já se vestiu de Pai Natal para andar a distribuir notas de 20 libras pelas ruas de Manchester; já foi confundido com um ladrão dentro da própria casa; já teve um carro apreendido um dia depois de o comprar, já foi expulso de casas noturnas e já levou com bananas lançadas por adeptos. A Balotelli já aconteceu, definitivamente, de tudo, inclusive eliminar a toda-poderosa Alemanha com dois golos e colocar a Itália na final do Euro 2012.

É uma surpresa recheada de mérito: a Itália vai disputar a final do Europeu com a Espanha, depois de ter derrotado a favorita Alemanha, por 2-1, em Varsóvia, na última meia-final da competição, disputada esta quinta-feira. Mario Balotelli foi a figura da partida e, desta vez, encherá manchetes em todo o mundo pelas melhores razões possíveis: uma grande exibição de um talento que, aos 21 anos, só dependerá da "cabecinha" para se tornar num caso sério.

Balotelli foi "forçado" a quebrar a sua própria filosofia no futebol, quando festejou efusivamente o primeiro golo na partida aos 20 minutos, através de um cabeceamento certeiro, após centro de Cassano. "Quando marco não celebro porque só estou a fazer o meu trabalho. Quando o carteiro entrega as cartas, ele celebra?", questionou, um dia, Balotelli. Certo é que "Super Mario" festejou com uma alegria poucas vezes vista e partilhada por milhões de italianos.

Determinado em mostrar "porquê sempre ele", Balotelli assinou um dos momentos do Europeu aos 36 minutos, quando atirou um "missíl" para o fundo das redes alemãs, deixando Neuer pregado ao solo. Desta vez, não houve festejos: apenas uma pose "à Hulk", ar sério e camisola deitada ao chão. O avançado italiano tinha razões para estar orgulhoso da sua exibição, mas quando foi substituído, aos 70 minutos, saiu do relvado frustrado e revoltado: sofreu cãibras e Prandelli guardou-o, e bem, para a final. O golo da Alemanha, de penálti, por Özil, já no período de compensação, não fez mais que acelerar os corações dos adeptos. Em vão.

O "herói" foi Balotelli, mas os louros têm que ser repartidos por outras duas lendas transalpinas: Buffon, que negou o golo à Alemanha em diversas ocasiões, algumas delas de golo iminente; e Pirlo, um mágico e incrível Pirlo, que foi dispensado pelo AC Milan aos 32 anos e que arrisca, um ano depois, ser eleito o melhor jogador do Europeu. Michael Platini, presidente da UEFA, lá terá que se contentar com uma final sem a Alemanha; e a chanceler alemã, Angela Merkel, que já tinha reservado bilhete para final, irá certamente rever a sua agenda. Os adeptos, esses, podem marcar para dia 1 de julho, em Kiev, uma final que promete ser épica.


Ler Artigo Completo(Pág.1/12) Página seguinte
Patrocínio
 
23281Visualizações
10Impressões
198Comentários
7Envios
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 

03ª jornada

V. Setúbal - Rio Ave

29/08 16:15

FC Porto - Estoril

29/08 18:30

Benfica - Moreirense

29/08 20:45

Tondela - Nacional

30/08 16:00

P. Ferreira - Arouca

30/08 17:00

Braga - Boavista

30/08 17:00

Belenenses - Marítimo

31/08 19:00

Académica - Sporting

31/08 19:00

U. Madeira - V. Guimarães

31/08 19:00

04ª jornada

Arouca - FC Porto

13/09 00:00

Boavista - P. Ferreira

13/09 00:00

V. Guimarães - Tondela

13/09 00:00

Marítimo - V. Setúbal

13/09 00:00

Moreirense - U. Madeira

13/09 00:00

Rio Ave - Sporting

13/09 00:00

Benfica - Belenenses

13/09 00:00

Estoril - Braga

13/09 00:00

Nacional - Académica

13/09 00:00

1 - Arouca

6

2 - V. Setúbal

4

3 - FC Porto

4

4 - Rio Ave

4

5 - Boavista

4

6 - Sporting

4

7 - P. Ferreira

4

8 - Benfica

3

9 - Braga

3

10 - Nacional

3

11 - U. Madeira

3

12 - Estoril

3

13 - Belenenses

2

14 - Marítimo

1

15 - V. Guimarães

1

16 - Tondela

0

17 - Moreirense

0

18 - Académica

0

1.º - JACKSON MARTÍNEZ (FC Porto)

15 golos

2.º - FREDY MONTERO (Sporting)

13 golos

3.º - DERLEY (Marítimo)

12 golos

4.º - LIMA (Benfica)

11 golos

5.º - RAFAEL MARTINS (V. Setúbal)

10 golos

6.º - BEBÉ (Paços de Ferreira), HELDON (Marítimo), RODRIGO (Benfica), EVANDRO (Estoril)

9 golos

mais

PUB


Continente UVA D'OURO 2015 DN 300x100
Btn EdMultimedia - Geral



PUBLICIDADE




DN

Epaper

Epaper