Um filme animado para adultos

"Anomalisa", de Charlie Kaufman e Duke Johnson.

Surpresa absoluta: no universo da animação cinematográfica, claramente dominado pelas produções (melhores ou piores, não é isso que está em causa) que visam, antes de tudo o mais, os espectadores infantis, eis que surge um filme com bonequinhos animados (pela técnica clássica de "stop motion") que nos conta uma história de adultos e para adultos. Surpresa relativa, enfim: sobretudo como argumentista - de Queres Ser John Malkovich? (1999) ou O Despertar da Mente (2004) - o realizador Charlie Kaufman é responsável por alguns dos projectos mais originais da produção americana das últimas duas décadas.

Agora associado a Duke Johnson, um especialista em técnicas de animação, Kaufman apresenta-nos o mundo banal de um autor de livros de "auto-ajuda", transfigurando-o numa viagem aos confins da intimidade, aí onde podemos contemplar, por vezes com infinita mágoa, a verdade mais radical das relações humanas. Anomalisa não se parece com nada que conheçamos e fica, desde já, como uma das grandes estreias de 2016.

Classificação: ***** Excecional

Últimas notícias

Contéudo Patrocinado

Mais popular